sexta-feira, 22 de junho de 2012

Belo Monte: Qual a alternativa?

Eu realmente gosto de debater com as pessoas. Acho que o debate é salutar e engrandece todos nele envolvidos. E sou obviamente contra censurar o pensamento das pessoas. Até as pessoas de quem discordo veementemente tem o direito de se expressarem. Porém a falta de lógica nos debates, especialmente nas redes sociais, é agoniante. Só na última semana me meti em umas dez discussões sobre questões relacionadas a meio ambiente, Rio+20 e Belo Monte. Sabem qual o denominador comum em todas as discussões? O lado "ambientalista" da discussão não havia estudado o assunto. E não digo estudar no sentido de formação acadêmica, pois acho esse negócio de ficar comparando títulos a maior bobagem, mas que não se informaram minimamente sobre o assunto, somente repetindo os mantras de uma ou outra ONG ou das campanhas que circulam nas redes sociais.
Além das cinco pessoas que decidiram que era feio continuar sendo meus amigos no facebook, e dos três que me bloquearam, uma dessas discussões chamou minha atenção. Um interlocutor me perguntou o quê eu tinha a favor de Belo Monte. 
Foi uma boa pergunta. Eu já expus em vários posts aqui no blog as coisas erradas que o outro lado fala. Já falei mal das campanhas no facebook, índios palpiteiros, do ataque ao engenheiro da Eletrobrás, daqueles atores babacas e até passei um pito em uma freira. Porém nunca disse porque sou a favor dessa usina. 
Eu sou a favor de Belo Monte porque não conheço outra alternativa para adicionar 4500MW médios ao sistema no mesmo prazo, com impactos ambientais reduzidos, e com custo da energia igual ou menor. 
E vejam que interessante: como o setor de geração de energia elétrica brasileiro não é monopólio estatal, qualquer entidade privada pode elaborar seus projetos, e depois de obter todas as licenças, implantar e operar uma usina (hidrelétrica, eólica, térmica fóssil, térmica a biomassa, solar). Então, o que pergunto para todos os opositores à Belo Monte é: 
1) Qual a sua alternativa para colocar 4500MW médios no Sistema Interligado Nacional em menos tempo, com menos impacto e a um custo menor que Belo Monte?
2) Por que você ainda não está fazendo isso?

Uma ressalva: ainda não inventaram usinas movidas a sonhos.

3 comentários:

  1. Informação complementar: Segundo a Wikipedia o Parque Eólico de Osório é o maior da América Latina e segundo maior do mundo. Produz 51 MW !!!

    É aqui pertinho de casa. O pessoal chama as torres de "ventilador de vaca"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. caro amigo como vc planeja mover um parque industrial gigantesco apartir do vento? Não tem como as unicas maneiras de mover um parque industrial de forma limpa (sem gerar gases na atmosfera) é a partir das fontes: nuclear e hidroeletrica

      Excluir
    2. caro amigo como vc planeja mover um parque industrial gigantesco apartir do vento? Não tem como as unicas maneiras de mover um parque industrial de forma limpa (sem gerar gases na atmosfera) é a partir das fontes: nuclear e hidroeletrica

      Excluir